fbpx
Gestão

Gestão de compras: o que você empreendedor precisa saber!

outubro 29, 2018
gestão de compras
Tempo de leitura 6 min

Deixar faltar mercadoria em uma loja ou matéria prima para a produção em uma indústria é o mesmo que garantir o prejuízo em um empreendimento. Do mesmo modo que estoque encalhado é sinônimo de dinheiro parado.

Por isso, entender os processos envolvidos em uma gestão de compras é fundamental para que o empreendedor tenha sucesso em seus negócios.

Nem sempre o que parece ser uma boa oportunidade, como um desconto ou promoção em algum fornecedor, de fato é vantajosa se não for aproveitada de maneira estratégica.

Pensando em ajudar você na tarefa de gerir melhor as compras do seu estabelecimento, preparamos este post com tudo o que precisa saber sobre esse tema importante para o crescimento sustentável do seu negócio. Confira!

Otimize o processo de compras

A compra de materiais de uso, de matéria-prima e de mercadorias para uma empresa exige um processo bem definido e otimizado. Nele, deve-se levar em conta:

  • o desenvolvimento de parcerias estratégicas com fornecedores;
  • o planejamento de aquisições em quantidades apropriadas para períodos pré-definidos de utilização ou venda, de acordo com a viabilidade financeira da empresa;
  • a verificação se o que está sendo recebido é o que foi comprado;
  • a logística para transporte e armazenamento.

O fluxo do processo de compras deve ser muito bem desenhado, nenhuma etapa deverá ser queimada. Porém, quanto melhor planejadas e executadas de acordo com o previsto, mais ágil e confiável será o departamento. O bom andamento de cada fase do processo de compras pode definir o sucesso ou o fracasso de um empreendimento.

Faça uma gestão de compras estratégica

Há diversos fatores a serem observados no momento de definir uma boa estratégia de compras, que vão desde a negociação de preços até os cuidados com o armazenamento do que está sendo adquirido.

Objetivo

O primeiro passo para a definição de uma boa estratégia de compras é entender as necessidades da empresa. Para isso, mapeie todo o material de consumo utilizado em cada departamento, não se esquecendo de levar em conta as quantidades necessárias, assim como o tempo de validade de cada item para que se possa saber o quanto pode ser estocado.

O mesmo deve ser feito em relação a produtos para revenda. É preciso entender a demanda, analisar o histórico de vendas, levar em conta possíveis reduções de preços ocasionados pelas condições da compra que poderão resultar em mais negócios, assim como, aumentos de preços que poderão reduzir as vendas.

Feito isso, você terá um mapa dos seus objetivos de compra, em que será possível saber o que precisa ser comprado, com que frequência, em quais quantidades e qual a disponibilidade financeira média será necessária para cada compra.

Negociação

Agora que você já sabe exatamente o que, quando e quanto precisa ser comprado, é hora de entender como comprar. Para isso, comece listando os principais fornecedores de cada tipo de insumo e, em seguida, solicite um orçamento para cada um deles. O ideal é que se tenha ao menos três propostas para cada pedido de compra.

Na hora de analisá-los, deve ser levar em conta não somente cada item individualmente, mas muitas vezes, compras de valores maiores recebem descontos maiores que acabam afetando no valor do pedido como um todo.

Com os orçamentos em mãos, você terá mais argumentos para negociar preços e prazos com seus fornecedores. Com o tempo, é possível o desenvolvimento de parcerias estratégicas com os seus melhores fornecedores.

Elas acabam resultando em melhores condições de compra, mas é sempre bom lembrar que não se pode ficar completamente dependente de um fornecedor para evitar problemas como falta de mercadorias, ou preços abusivos.

Monitoramento

Por mais que as compras tenham sido planejadas e as demandas previstas, o monitoramento dos níveis de estoque, seja de mercadorias, seja de insumos, é essencial para detectar mudanças na demanda, que muitas vezes, podem ser sinônimos de desperdícios ou perda de vendas.

Por isso, implante mecanismos de controle de estoque, como planilhas de acompanhamento ou mesmo, sistemas de gestão. Eles são fundamentais para o bom desempenho da área de compras da sua empresa.

Integre a gestão de compras com a logística

Produtos comprados, é hora de recebê-los e armazená-los de acordo com as necessidades de cada um. Nesse momento, é preciso ter em mente a conferência do que está sendo entregue e quais as condições ideais para a estocagem de cada tipo de item.

Além disso, é preciso deixar registrado onde ficou guardado cada produto recebido.

Não se pode deixar de prestar atenção aos pontos de segurança, por exemplo: produtos inflamáveis devem ser mantidos fora do alcance do fogo ou calor excessivo, produtos perecíveis devem ser guardados em locais refrigerados.

Outros problemas como umidade, mofo, enchentes, insetos etc., devem ser levados em consideração também.

Por fim, é necessário ter controle sobre o prazo de validade de cada item para que sejam utilizados antes do vencimento, e caso isso não aconteça, precisam ser repostos depois de vencidos.

Entenda os benefícios de uma boa gestão de compras

Como você pôde ver, uma boa gestão de compras resulta em diversos benefícios para a empresa. Confira alguns deles:

  • eliminação de desperdícios;
  • redução de custos;
  • aumento da margem de lucro;
  • prevenção de perdas e faltas de mercadoria;
  • diferenciação da concorrência;
  • crescimento sustentável;
  • melhor entendimento das necessidades dos clientes;
  • maior controle sobre a utilização de recursos da empresa.

Vale frisar que um bom empreendedor precisa conhecer todos os detalhes do seu negócio para que ele funcione bem e cresça de maneira sustentável. A gestão dos processos de compra é um dos detalhes fundamentais que devem ser dominados pelo gestor.

Agora que você já sabe o que é gestão de compras, como otimizar seus processos, como fazer uma gestão estratégica das aquisições da sua empresa e como integrá-las ao planejamento logístico, já pode começar a pensar em como melhorar sua estratégia de compras para alavancar o crescimento do seu negócio.

Então, o que achou deste conteúdo? Ele ajudou a entender melhor como organizar as compras da sua empresa? Então, comente conosco sobre os resultados que você espera ter ao aplicar o que acabou de ler!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up